Novo Acordo Ortográfico – Acentuação nos “EE” e “OO” finais

Novo Acordo Ortográfico – Acentuação nos “EE” e “OO” finais
Rate this post

Eu ainda não consigo me acostumar com a eliminação do acento em palavras como “voo” e “creem”. E você, o que está achando das mudanças?

Novo Acordo Ortográfico - Acentuação nos “EE” e “OO” finais

Retomando a matéria

 Nos primeiros 05 artigos falamos sobre os objetivos da reforma ortográfica, sobre a inclusão de 03 letras em nosso alfabeto,  sobre a eliminação do trema, sobre a eliminação dos acentos nos ditongos abertos “ei” e “oi” das palavras paroxítonas e sobre a eliminação, em palavras paroxítonas, dos acentos nas vogais “i” e “u” quando tônicas e precedidas de ditongos decrescentes. Com a série o “Novo Acordo Ortográfico”, pretendemos cobrir todas as principais mudanças ocorridas em nossa Língua Portuguesa.

Vale lembrar e enfatizar que a reforma atinge apenas a parte referente à grafia das palavras, não houve mudanças em outras áreas.

- anúncios -

Para saber mais sobre a nova reforma acesse, Novo Acordo Ortográfico

Novo Acordo Ortográfico - Acento Circunflexo

Não recebem mais acentos o “EE” e “OO” finais

A terceira mudança impingida pelo novo acordo em relação à acentuação refere-se ao acento circunflexo usado nas palavras terminadas em “ee” e “oo”. De acordo com a nova regra, o acento deve ser eliminado. O acento foi eliminado, mas a pronúncia permanece a mesma.

Abaixo alguns exemplos de palavras que não recebem mais os acentos:

- anúncios -
  • crêem (atual: creem)
  • dêem (atual: deem)
  • lêem (atual: leem)
  • vêem (atual: veem)
  • descrêem (atual: descreem)
  • zôo (atual: zoo)
  • vôos (atual: voos)

Novo Acordo Ortográfico

Mudanças que vieram para ficar

Em meados de 2009, assim que a lei entrou em vigor e as dúvidas reinaram, alguns duvidaram se essa lei “pegaria” ou não no Brasil, devido o caráter apenas teórico de tantas outras. A verdade, é que depois de mais de 02 anos, não há dúvidas de que o Novo Acordo veio para ficar. A outras nações lusófonas, representadas por Portugal, já determinaram um período de 06 anos para a transição e no Brasil, governo e instituições já adotaram as novas regras.

Veja Também: Definições e Conceito de Biosfera

- anúncios -

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *